mormon.org Brasil
Saulo Moura: missão, testemunho, serviço, felicidade, eternidade, família, Mórmon.

Oi, eu sou Saulo Moura

Sobre mim

Tenho 18 anos, estou me preparando para servir em uma Missão de templo integral em julho. Minha família inteira é membro desta Igreja, meus pais e irmãs. Amo este Evangelho e sou apaxonado em estudar as escrituras. Amo fazer amigos, sei que os levarei para toda eternidade. Tenho uma total paixão em falar com as pessoas, conversar com alguém na parada de ônibus, no ônibus, na fila de supermercado, com os velhinhos sentados em frente de suas casas, etc. Muitas vezes sou ignorado, mas ainda assim, amo tentar conseguir a oportunidade de falar com meus irmãos que estiveram comigo na Pré-Existência. Estudei em uma escola técnica estadual de tempo integral e começou a aparecer grandes desafios em minha vida, muito difíceis e desesperadores. Porém, depois de um tempo, após me aproximar mais com meu Pai e meu Salvador pude crescer neste Evangelho e adquirir um testemunho pessoal inabalável. Amo compartilhá-lo com todos ao meu redor. Servir é uma das coisas mais especiais na vida. Sou um filho de Deus e vim nesta Terra para crescer espiritualmente, físicamente, mentalmente e emocionalmente. Sou grato por isso.

Por que sou mórmon?

Sou membro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias porque os ensinamentos, a doutrina e os príncipios que aprendo e vivo são para toda a eternidade. A perspectiva eterna nos traz alegria nesta vida, pois sabemos que ao passarmos e terminarmos o tempo que temos nesta Terra é apenas um começo das eternindades que virão. Famílias podem e são eternas, a oportunidade de ter minha família que amo de todo meu coração para sempre é uma das grandiosas bençãos desta Igreja. Presto meu testemunho a todas as nações, tribos e línguas que sei sem nenhuma sombra de dúvidas que esta Igreja é liderada por Cristo por meio de seu profeta vivo, Thomas Spencer Monson. Digo sem temer que Jesus Cristo é nosso Salvador e ele vive. Que Ele e seu Pai apareceram a um jovem de 14 anos em um bosque e este jovem restaurou as ordenanças eternas e a verdadeira Igreja na qual foi organizada pelo próprio Cristo em Seu ministério. Este jovem chamado Joseph Smith traduziu o Livro de Mórmon que é Outro Testamento de Jesus Cristo e assim como a Bíblia, desde que sua tradução esteja correta, são Escrituras. Sei de todo o meu poder, corpo e alma que estas coisas são verdadeiras e sei porque ajoelhei-me perante meu Deus, meu Amado Pai, e expressei os desejos de meu coração e Ele concedeu-me o Espírito Santo na qual testificou com tamanho impacto em minha alma que é impossível negar estas verdades. Testico destas coisas e que os céus registrem minhas palavras, pois foram dadas a mim pelo poder do Espírito de Deus. E as selo em nome de Jesus Cristo. Amém.

Histórias Pessoais

Por que os mórmons saem em missão?

Aprendemos tantas coisas maravilhosas nesta Igreja. Por elas serem tão especiais e nos proporcionarem tamanha alegria, apenas gostaríamos que todos pudessem ter a oportunidade de ouví-las e o mesmo sentimento que foi nos dado possam ser transmitidos aos nossos amigos e irmãos. Aprender as verdades do Evangelho é uma benção imensurável e compartilhá-las completa esta felicidade plena.

Como vivo minha fé

Sou professor da classe das crianças e é muito interessante trabalhar com elas. Elas são desafiadoras e ajudam a desenvolver a paciência e o amor ao próximo. Servi nos rapazes quando jovem. Foi um desafio imenso em uma determinada época, pois, havia apenas eu de rapaz. Com muito esforço e trabalho, com meus líderes e missionários, conseguimos aumentar o número de rapazes e esta experiência despertou meu desejo de trabalhar e servir na Igreja em prol de meus irmãos. Trabalhar como mestre familiar é incrível. Não posso dizer que sempre conseguimos 100% das nossas visitas, porém buscamos sempre ao máximo consegui-las. Metas são primordiais e com elas não tivemos apenas os 100%, mas também uma imensa alegria por aprender com as famílias e ajudá-las ao nosso máximo e isso é a maior benção que podemos como mestres familiares receber. Servir nesta Igreja é uma honra e nos proporciona grandes aprendizados que levamos para esta vida e para toda a eternidade. Quando cumprimos com nossos chamados e designações somos profundamente abençoados e grande é nossa alegria por termos a oportunidade de servir ao nosso próximo e ao nosso Amado Pai Celestial.