mormon.org Brasil
Stéfany Andrade: stéfany, stefay, andrade, stefany andrade, stéfany andrade, Mórmon.

Oi, eu sou Stéfany Andrade

Sobre mim

Sou estudante no curso de Psicologia do qual falta um ano para eu me formar. Tenho 21 anos (quase 22), trabalho na faculdade onde estudo e também em recepções de aniversários e casamentos. Sou membro de a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias desde outubro de 2013, e sou eternamente grata por fazer parte deste evangelho e poder cumprir com os meus chamados. Tenho como hobby e uma das minhas paixões a fotografia.

Por que sou mórmon?

Meus pais conheceram a Igreja em fevereiro de 2013 e começaram a participar, um dia eu resolvi ir e não gostei muito, mas depois que se passaram muitos meses eu resolvi ir novamente e nunca mais parei, os Elderes me ensinavam e estavam loucos pelo meu batismo, mas eu ainda resisti durante muito tempo, até que em Outubro de 2013 eu tomei a melhor decisão de toda minha vida e me Batizei! Hoje minha família é muito unida e somos todos gratos por fazer parte deste Evangelho.

Histórias Pessoais

O que o ajudou a ter mais harmonia em seu lar?

Desde os nossos batismo nossa união fortaleceu e cada dia estamos mais próximos e fazendo o possível para estarmos juntos.

Como a frequência às reuniões da Igreja ajuda você?

Quando acontece algo que impede que não vá a Igreja nas reuniões de domingo é muito ruim, pois é como se eu não cumprisse com o o ciclo, e como o meu dia fica sem graça e a semana que se inicia parece mais longa, mas difícil e parece que vai acontecer alguma coisa para impedir que eu vá no próximo domingo, devido à isso eu não gosto de faltar aos domingos e evito ao máximo faltar para garantir que o espirito permanecerá mais forte.

Como vivo minha fé

Desde que me batizei procuro seguir todos os princípios do evangelho de Cristo, tive um chamado pouco tempo depois que me batizei e tinha a grande responsabilidade de dar aula nos princípios do Evangelho (aula destinada aos membros recém conversos e aos visitantes). Confesso que adora dar aula e já fui muito elogiada por visitantes que foram à Igreja, mas não voltaram depois. Hoje sou 2 conselheira das Moças, e amo poder ensinar o pouco que sei e poder procurar e querer sempre saber mais para poder ensinar para essas jovens que estão se preparando para a vida adulta. Fazer parte deste Evangelho foi a melhor escolha que fiz durante os meus 21 anos e sou grata ao Pai Celestial por me conceder tantas bençãos vindas do amor e dedicação ao Evangelho.