mormon.org Brasil
Lene: Música, Esportes, Trabalho Secretária, Restaurantes, Comida Mineira, Cinema, Mórmon.

Oi, eu sou Lene

Sobre mim

Tenho como passatempo predileto estar com meus amigos, seja um restaurante ou em uma reunião informal em casa. Cantar é algo que me dá alegria, por isso frequento karaokês.

Por que sou mórmon?

Sou mórmon porque por uma bondade do Pai Celestial eu fui criada por pais que se preocuparam em dar o melhor ensino espiritual para seus filhos, fazendo com eles buscassem por uma religião que desse essa estrutura espiritual para toda a família. Sou mórmon porque vi minha família superando desafios que sem o conhecimento e vivência do evangelho, tudo seria mais difícil e doloroso. Sou mórmon porque os ensinamentos que vi nessa religião só me mostraram quando grande é o amor de Nosso Pai Celestial e de Seu Filho Jesus Cristo tem por mim e que serei feliz se for fiel e segui-los e que nunca estarei sozinha se buscar ser digna da companhia do Espírito Santo. Sou mórmon porque encontrei na igreja a maior parte dos meus melhores amigos e que eu posso afirmar com certeza que são uma outra família que tenho aqui na terra.

Histórias Pessoais

Por que/Como vocês compartilham o evangelho com seus amigos?

É difícil alguém me conhecer e não saber de minha religião, pois logo que me apresento e começo a falar sobre mim, falo de meus princípios, que são muito importantes para mim... Então, geralmente presenteio as pessoas que conheço com o Livro de Mórmon ou com alguns DVDs da igreja, que são uma maravilhosa porta de acesso para as pessoas conhecerem sobre o Evangelho de Jesus Cristo.

Como vivo minha fé

Fui criada em um lar SUD onde tive um pai e uma mãe muito devotados ao Senhor. Venho de uma família de 10 irmãos e aprendi a dar valor a uma família e à união e amizade. Já trabalhei em muitas organizações da igreja, mas sempre me sinto muito feliz quando sou chamada para trabalhar com as crianças. Acho que é pela sinceridade que elas tem em expressar seus sentimentos e também pela necessidade que tenho em me tornar digna de estar perto delas e tentar ser um exemplo para elas. Trabalhar com a música na igreja também me faz feliz, principalmente quando participo de algum coral. Me sinto muito bem.