mormon.org Brasil
Odirlei Jesus: Professor, Matemática, Estudo, alegria, filhas, casamento, Mórmon.

Oi, eu sou Odirlei Jesus

Sobre mim

Gosto muito de passar o tempo com minha esposa e nossas duas filhas. Sou grato por fazer todas as refeições ao lado delas. Sou professor de matemática na universidade e adoro ensinar. Por causa desta profissão tenho a oportunidade de conhecer muita gente e relacionar-me com elas. Acho importante tratar todos com respeito e amor. Percebo que quando fazemos isso recebemos tudo de volta, em dobro ou mais.

Por que sou mórmon?

Meus pais sempre foram pessoas boas e apesar de não terem me dado uma educação religiosa procuraram instruir-me para que eu me tornasse uma boa pessoa. Desde criança gostava muito de estudar e sempre apreciei uma boa biblioteca. Quando terminei o ensino médio fui para a universidade no interior do estado para cursar matemática. Lá conheci uma linda e simpática moça da igreja que fez amizade comigo e ajudou-me a conhecer a igreja. No devido tempo conheci os missionários e eles ensinaram-me sobre o Plano de Salvação e recebi um exemplar do Livro de Mórmon de presente. Fiquei encantado com a beleza e simplicidade de tudo o que estava aprendendo. Fui batizado e algum tempo depois casei-me com aquela moça. Li o Livro de Mórmon varias vezes naquele ano. Na verdade, o tenho lido todos os dias desde aquela época. Tenho muito apreço por ele. Orei a seu respeito e soube que é um livro preservado por Deus para guiar-nos nestes últimos dias e para tornar-nos mais semelhantes a nosso Salvador Jesus Cristo. O amor em meu lar aumenta à medida que leio o Livro de Mórmon. Também soube que aquele a quem foi dada ordem para traduzí-lo e trazê-lo à luz, sim, Joseph Smith, é um profeta do Senhor e que A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias é o Reino de Deus na Terra. Qualquer pessoa que ler o Livro de Mórmon com real interesse de saber se ele é verdadeiro ou não realmente receberá uma resposta e isso poderá mudar sua vida, como tem mudado a minha, sim para melhor, muito melhor.

Como vivo minha fé

Todos os domingos vou à igreja. É o ponto alto da semana. É claro que faço minhas orações e estudo as escrituras durante toda a semana para aproximar-me de meu Pai Celestial, mas o domingo é especial. Tenho uma responsabilidade na igreja que permite-me sentar com os rapazes que estão na igreja para instruí-los, aconselhar-me e aprender com eles. Também visito as viúvas e às vezes procuro ensinar-lhes algo, mas não tem jeito, sou eu quem sempre aprendo com elas. Quanto mais faço essas coisas, mais sinto que estou investindo meu tempo na coisa certa e sinto-me cada vez mais próximo de Jesus Cristo e do Pai Celestial. Sinto cada vez mais que eles me amam e fico cheio de esperança. Sempre penso em meus amigos e espero que um dia eles sintam a alegria que sinto por ser um membro de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.