mormon.org Brasil
Déborah Lohane: Designer, Noiva, Nasci na Igreja SUD, Serviço voluntário, Música, Fotografia, Mórmon.

Oi, eu sou Déborah Lohane

Sobre mim

Sou estudante de Design, e uma noiva feliz. Amo servir na Igreja, ver filmes em família, estar com meu noivo e meus amigos, viajar pela estrada ou pelos livros, escrever, fotografar e fazer trabalhos manuais. Sou adaptável a mudanças e acredito que elas sempre vêm para nos fazer crescer. Digo isso porque passei cada fase de minha vida até agora em uma cidade diferente, e às vezes era difícil dizer adeus e partir, deixando meus amigos e os lugares que eu gostava, mas pude perceber o lado positivo de tudo isso, das pessoas especiais que conheci e dos momentos bons que vivi em lugares diferentes! E graças aos meus pais, apesar das localidades diferentes, sempre tivemos um lugar em que éramos bem-vindos, não importa o endereço: A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Foi esse evangelho que sempre manteve minha família unida e tem moldado meu coração e mente, levando-me pra cada vez mais perto de Cristo.

Por que sou mórmon?

Quando nasci, meus pais já eram membros. Mas sempre há aquele momento que procuramos ter nossa própria certeza do que é verdadeiro. Por mais que conhecesse e admirasse as coisas do evangelho, mais ou menos aos 14 anos de idade decidi saber por mim mesma. Eu já havia lido o Livro de Mórmon, cumpria as metas do livreto Progresso Pessoal das Moças da Igreja, frequentava o curso diário de religião da Igreja, mas faltava o testemunho que fundamentasse tudo aquilo no qual eu estava engajada. Ajoelhei-me depois de ter estudado as escrituras, e orei ao Pai Celestial, em nome de Cristo. Joseph Smith havia mesmo sido um profeta de Deus? O Livro de Mórmon era realmente verdadeiro? Desde então sinto uma alegria redobrada em meu coração ao ler cada página das escrituras, e sinto, realmente sinto que são verdadeiras. Posso imaginar o esforço de Joseph e de todos os outros profetas antigos e modernos em escrever, compilar, preservar e publicar cada registro do Senhor. O poder de Cristo está nelas, elas são nossa bússola. Sei hoje de todo o coração que existem profetas vivos na Terra, que o sacerdócio de Deus se encontra entre os homens dignos dessa Igreja e que as mulheres tem um papel fundamental como mães, companheiras, educadoras e líderes. A família é a base do plano do Pai Celeste pra cada um de nós, e ela podem ser eternas! Cristo vive e pode nos resgatar de nossos pecados, pois os poderes da Expiação são reais. Sou feliz por saber quem eu sou, de onde vim e para onde posso ir.

Como vivo minha fé

Sabemos que a melhor forma de ensinar é pelo exemplo. Quando entrei para a classe Organização das Moças da Igreja, aos 12 anos, era muito tímida. Então confiava muito que, se me esforçasse e cumprisse todas as metas lançadas, meu exemplo falaria mais alto do que minhas poucas palavras. Fui bastante abençoada ao aprender sobre as escrituras com os programas da Igreja do Seminário e Instituto de religião. Desde os 14 anos adorava participar e hoje sou muito feliz por ter cumprido os 8 anos de cursos, e ainda continuar aprendendo e fortalecendo meu testemunho desse evangelho e da palavra de Deus. Em casa fomos bastante abençoados e temos um testemunho pessoal do poder das reuniões familiares, leitura das escrituras, oração e jejum em família. Isso nos uniu, fortaleceu e até trouxe bênçãos materiais das quais dependíamos certo tempo. Servir na Igreja me traz imensa alegria! Ao visitar cada irmã querida, ajudar em suas necessidades, realizar projetos de serviço, reger hinos para a congregação, dirigir um coro, ensinar músicas para crianças ou dar aulas a elas sinto o amor do Salvador bem mais perto e a testificar de que essa obra é verdadeira! Isso me dá ainda mais ânimo para compartilhar suas verdades com as pessoas ao meu redor, seja na faculdade, no trabalho, na rua ou principalmente através da internet (essa grande bênção aqui!).