mormon.org Brasil
Ronaldo: Volei, Cantar, Dançar, Rapazes, Batismo, Fortaleza Leste, Mórmon.

Oi, eu sou Ronaldo

Sobre mim

Tenho 21 anos, moro com meus pais. Gosto de sair com os amigos, dançar, cantar, comer, vôlei (mesmo não sendo um bom jogador). Comecei minha faculdade de publicidade e propaganda, mas parei para que pudesse ir a missão.

Por que sou mórmon?

Conheci um pouco sobre a Igreja quando tinha 12 anos de idade. Os pais de uma grande amiga me apresentaram o Evangelho, me convidaram a Igreja, mas não pude ir naquela vez porque minha mãe não me deixou ir. Mas eles sempre falavam comigo sobre o que aprendiam lá. Quando fui a primeira vez para a Igreja, foi escondido. Lá, fugi dos missionários, para que eles não pudessem me visitar. Mas um certo dia, eles me encontraram em casa, e começaram a me ensinar. Orar para saber se o que eles ensinaram era verdade, ler O Livro de Mórmon, foram pontos chaves para que eu obtivesse um grande testemunho. Foi difícil realizar meu batismo pois meus pais eram contra, mas depois de muitos desafios, no dia 26 de Julho de 2009, se completam seis anos do meu batismo. Hoje, graças ao que aprendo na Igreja, busco por meio das escrituras, sei que Cristo é o meu Salvador, que Ele me ama, mesmo tendo minhas falhas. Eu sei que por meio do grande sofrimento que Ele teve por mim, posso me arrepender todos os dias e voltar a viver com Ele. Esse testemunho, me fez ter um forte desejo de servir uma missão de tempo integral. Servi na missão Brasil Fortaleza Leste, de fevereiro de 2013 a fevereiro de 2015 e ajudar muitas pessoas.

Histórias Pessoais

Como a frequência às reuniões da Igreja ajuda você?

A Frequência às reuniões da Igreja me ajudam pois elas me fazem ser melhor a cada semana. Porque lá eu aprendo sobre Cristo e busco aprender como posso crescer espiritualmente. Me ajudam porque sei que estou cumprindo um mandamento do Senhor, e por cumprí-lo. Tenho bênçãos prometidas na minha semana. Me sinto renovado, recarregado, e pronto para enfrentar meus desafios. Eu sei que quando estou na Igreja, busco me aperfeiçoar, e me tornar uma pedra lapidada. Quando aprendo de Cristo, me sinto feliz porque sei que tenho um Salvador e redentor do mundo!!!

Como vivo minha fé

Atualmente, sou primeiro conselheiro na organização dos rapazes (rapazes de 12 a 18 anos), membro do comitê de atividades do instituto de religião. Logo, organizo atividades para as duas organizações.