mormon.org Brasil
André: Mórmon.

Oi, eu sou André

Sobre mim

Eu sou uma pessoa que sempre busca conhecimento, então sempre estou procurando algo novo para aprender. Busco sempre estar atualizado sobre as tendencia tecnológicas. Além da tecnologia, eu adoro Biologia, com certeza minha matéria favorita durante todos meus estudos. Trabalhei por quase 1 anos em uma loja de Hobby. Tive ótimas experiencias que me ajudaram muito a progredir em vários aspectos de minha vida.

Por que sou mórmon?

Frequento a igreja desde dos 4 anos. Fui batizado aos 8 anos e senti minha vida se transformar, as coisas ficaram ainda mais claras para mim. Através do Espirito Santo sei que essas coisas são verdadeiras e que essa é a Igreja de Jesus Cristo restaurada aqui na terra, que Joseph Smith foi um profeta e que o livro de Mórmon e a Bíblia são a palavra de Deus e as palavras contidas nesses livros são verdadeiras e que os dois juntos testificam que Jesus é o Cristo e que por meio dele podemos ser salvos.

Histórias Pessoais

Por que/Como vocês compartilham o evangelho com seus amigos?

Sempre que tenho a oportunidade de falar algo da igreja para meus amigos eu falo. Para que assim eles saibam um pouco mais sobre o evangelho e para que eles comessem a ter ainda mais interesse em saber mais sobre ele. Falo do evangelho para meus amigos e para as outas pessoas porque esse evangelho é maravilho e torna minha vida muito feliz e é por sentir essa felicidade que compartilho o evangelho, porque quero que as outras pessoas o conheçam e possam viver ele e assim também sentir a felicidade que ele trás para a vida. Logo sou muito feliz por causa do evangelho e quero que os outros possam ter essa felicidade assim como eu a tenho em minha vida.

Como vivo minha fé

Tive a oportunidade de dar aulas para os jovens rapazes de minha ala. Mesmo eu ainda tendo 18 anos pude ensinar aos domingos algumas aulas aos jovens de 12 - 14 anos e posso dizer que essa oportunidade me ensinou muito sobre importância, preocupação e carinho que a liderança dos jovens tem por eles na Igreja e o quanto esses jovens são bons e especiais.