mormon.org Brasil
Rui Braga: Genealogia, Eternidade, História da Família, Oração, Aflições, Fé, Mórmon.

Oi, eu sou Rui Braga

Sobre mim

Sou reponsável pela História da Família da Estaca do Porto. Nos diversos chamados onde já servi ao longo de vários anos, foi nesta área da História da Família que presenciei os maiores milagres! Joseph Smith disse: A maior responsabilidade neste mundo que Deus nos impôs é a de buscar nossos mortos (EPJS pág. 348). Este é o mais glorioso de todos os assuntos pertencentes ao evangelho eterno, o batismo pelos mortos (D&C 128:17). Acredito que um dos presentes que o Salvador mais quer receber de nós seja um "Livro contendo os registos dos nossos mortos" (D&C 128:24). Sei que as famílias são eternas e que no Templo Sagrado de Deus nos podemos selar para toda a eternidade. Façamos a nossa árvore genealógica, de forma a identificarmos os nossos antepassados e levemos os seus nomes ao Templo, de forma a fazermos por eles as ordenanças sagradas, nomeadamente o batismo pelos mortos (I Coríntios 15:29) que não tiveram oportunidade de as fazer. Desta forma ficaremos selados a eles por toda a eternidade.

Por que sou mórmon?

Após os missionários me ministrarem as lições eu dirigi-me a Deus, em oração, e perguntei-lhe se A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias era verdadeira. Os sentimentos que tive neste processo permitiram-me saber por mim mesmo que Jesus Cristo lidera esta igreja.

Histórias Pessoais

Poderia explicar o papel que a oração desempenha em sua vida?

Aprendi que a oração é um diálogo e não um monólogo. Quando dobro os meus joelhos como símbolo de humildade e através de uma oração fervorosa comunico com o meu Pai Celestial e determino tempo só para escuta-Lo, a vós do Senhor vem à minha mente (cabeçalho do livro de Enos). Um profeta de Deus aconselhou-nos a orarmos sempre (Alma 37:37). Outro grande profeta, Jacó, prometeu-nos que se orarmos a Deus com grande fé, Ele nos consolará nas aflições (Jacó 3:1). Enos, prometeu-nos que, tudo quanto pedirmos com fé, acreditando que receberemos, em nome de Cristo, nós o receberemos...

Como vivo minha fé

Existem dois Domingos em cada mês, onde eu ministro as aulas de princípios do evangelho para novos membros ou pessoas que estão a investigar a igreja. Essas aulas começam às 10h40 e terminam às 11h30. Temos tido experiências muito edificantes. A principal coriosidade das pessoas é saberem de onde vieram, porque estão aqui e para onde vão...