mormon.org Brasil
Karol Fernandes: Karol, Fernandes, Sud, Porto alergre Norte, Uberlândia, Mormon, Mórmon.

Oi, eu sou Karol Fernandes

Sobre mim

Gosto muito de conversar, conhecer novas pessoas e se reunir em família. Amo muito estar na igreja e no Templo Sagrado, pois são locais onde me sinto mais perto do meu Salvador.

Por que sou mórmon?

Durante muito tempo procurei por respostas, com a ajuda do evangelho obtive todas essas respostas, hoje posso dizer que sei por mim mesmo que nosso Pai Celestial vive. Recebi dele revelação pessoal a respeito da veracidade do evangelho e sou muito feliz por ter o evangelho de Jesus Cristo . Decisões definem nosso destino, minha vida foi moldada pois estou conhecendo os passos de nosso senhor Jesus Cristo e a cada dia que se passa sinto o mais em minha vida.. Por que ser mórmon é ser feliz!

Histórias Pessoais

Qual dos ensinamentos do Salvador já influenciou você em sua vida?

Um dos ensinamentos de nosso salvador que mais gosto e quando ele ensinava no Templo,e lhe foi apresentada uma mulher que havia sido descoberta cometendo adultério. Questionaram a ele que a Lei diz que tal mulher deveria ser morta, apedrejada e perguntam o que ele pensava. Com sua infinita sabedoria ele não respondeu apenas começou a escrever com o dedo na terra. Voltaram a questionar a ele, olhou pra aqueles homens e proferiu as seguintes palavras: - Quem não tem pecado atire a primeira pedra. Todos largaram as pedras e foram embora.. Fico ponderando em meu coração ele poderia jogar a pedra, mais nosso salvador não o fez, devido ao seu grande amor e exemplo. Como eu o amo 3

Como vivo minha fé

Atualmente sou primeira conselheira da primária faço de tudo um pouco pois sou de um pequeno ramo. Sou professora visitante de irmãs muito especiais, gosto muito de realizar atividades, noites familiares e ajudar as moças em seu progresso pessoal. Além de minhas palavras, de meus ensinamentos e do testemunho que eu posso prestar com palavras, minha vida também tem que fazer parte desse testemunho de Jesus. Todo o meu ser deve refletir a divindade desta obra. Não poderia dar testemunho dela se alguma coisa que eu dissesse ou fizesse diminuísse, de qualquer forma, minha fé em Cristo, meu amor a Sua Igreja ou seu respeito ao santo apostolado." (Elder Jeffrey R. Holland)