mormon.org Brasil

Oi, eu sou Andres

  • Andrés Dominguez
  • Andrés Dominguez
  • Andrés Dominguez
  • Andrés Dominguez
  • Andrés Dominguez
  • Andrés Dominguez
  • Andrés Dominguez
  • Andrés Dominguez

Sobre mim

Venho de um clima quente e adoro atividades ao ar livre. Gosto muito de acampar perto de algum lago, praia ou montanha. Adoro passar o fim de semana com minha família nadando, esquiando, passeando de barco ou apenas relaxando com eles. Esses momentos são os mais felizes para mim. Tenho uma família muito especial. Minha mulher, com quem estou casado há 20 anos, é um doce de pessoa, uma mulher muito especial. Juntos temos uma filha linda de 15 anos e um garotão de 17. Eles são minha felicidade e alegria. Ser membro da Igreja tem me ajudado a ter uma compreensão melhor de como um pai, marido, irmão e cidadão devem ser. Isso também tem me ajudado a entender que as coisas mais importantes que eu poderia fazer são as que eu faço dentro do meu lar. Aprendi que a minha tarefa principal é cuidar de minha família e servir a ela. Eu não os trocaria por nada neste mundo.

Por que sou mórmon?

Eu cresci sendo membro desta Igreja e conforme fui amadurecendo pude entender e saber por que sou mórmon. Cheguei à conclusão de que sou mórmon porque acredito que os relacionamentos familiares são eternos e que nem mesmo a morte pode rompê-los. Sou mórmon porque acredito que juntos, como família, podemos proteger uns aos outros contra os perigos deste mundo; podemos ajudar uns aos outros a permanecer moralmente limpos e lembrar que somos uma família eterna. Sou mórmon porque sei que sou filho de um Deus que me ama e eu O amo, um Deus que é real, tangível e acessível a todos nós. Sou mórmon porque entendo a necessidade de um Salvador, de um Redentor, para nos ajudar a voltar ao Deus que nos criou. Sou mórmon porque sei do papel importante e fundamental da mulher na criação e execução do plano de felicidade. Mas o mais importante, sou mórmon porque sei que um dia vamos viver juntos para sempre com todos os nossos entes queridos.

Como vivo minha fé

Eu me esforço para ser uma boa pessoa e ser honesto em tudo o que faço. Atualmente tenho um chamado na Igreja onde sirvo aproximadamente 3.500 pessoas. Dedico cerca de 12 a 15 horas por semana para servi-los e ajudá-los. Sou diretamente responsável pelos jovens de 12 a 18 anos e os incentivo a se matricularem no programa de Escotismo, a serem bons cidadãos, bons alunos, bons filhos e boas filhas. Tento inspirá-los a serem moralmente limpos e a obedecerem aos mandamentos e às leis locais. Estamos sempre procurando oportunidades para prestar serviço significativo às pessoas de nossa comunidade. Todos os meses, meu filho e eu visitamos de três a quatro famílias que nos são designadas e cuidamos delas para que todas as suas necessidades sejam atendidas. Entramos na casa delas para compartilhar uma mensagem de esperança, amor e fé. Esta é uma ótima oportunidade para servir aos outros e amar o próximo, seja qual for sua idade, seu sexo, sua origem ou nacionalidade.